Zero Hora: Acidentes de trabalho mataram quase mil pessoas nos últimos sete anos no RS

0 117
image_pdfimage_print

 

Acidentes de trabalho mataram quase mil pessoas nos últimos sete anos no RS

25/04/2019 – 18h35min

 

Média no Estado é de 11,39 mortes por mês. Os números se referem apenas a trabalhadores formais e com carteira assinada

 

Entre 2012 e 2018, 957 pessoas morreram devido a acidentes de trabalho no Rio Grande do Sul. Os números, que se referem apenas a trabalhadores formais e com carteira assinada, foram divulgados pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). A média no Estado é de 11,39 mortes por mês. A maior parte das mortes ocorreu em Porto Alegre, com 74 casos.  

O Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho, com base em informações da Previdência Social, identificou 162.422 emissões de auxílios-doença por acidente do trabalho no RS entre 2012 e 2018. O impacto financeiro dos afastamentos, segundo a Previdência, foi de R$ 1,59 bilhões.

Em todo o Brasil, o número de trabalhadores que morreram no período em acidentes de trabalho chega a 17 mil. A maior parte das mortes (15%) foi causada por máquinas e equipamentos, atividade na qual as amputações são 15 vezes mais frequentes. Essa área tem três vezes mais vítimas fatais que a média geral, segundo o MPT. 

Os trabalhadores da área da saúde tem a maior quantidade de ocorrências registradas (10%), principalmente profissionais de enfermagem e limpeza. Em reação a quantidade de ocorrências registradas por acidente de trabalho, São Paulo lidera o ranking dos Estados, com 37%, seguido de Minas Gerais (10%) e Rio Grande do Sul (7,96%). 

Embora os números divulgados pelo Observatório sejam os oficiais, a tendência é de que eles sejam ainda maiores. Em 2016, o próprio MPT informou que mais de 70% das mortes que haviam ocorrido por acidentes ou doenças do trabalho não tinham sido informadas ao INSS e nem aos órgãos fiscalizadores.

 

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br