SERPRO – Informe sobre recolhimento da CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL dos trabalhadores​. É do seu interesse!​​

0 372
image_pdfimage_print

 

Neste ano, faremos o recolhimento da CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL dos trabalhadores do SERPRO e PSEs para​ AUXILIAR NO CUSTEIO dos gastos da Campanha Salarial 2017/201​9. Essa decisão foi tomada pelos trabalhadores em ASSEMBLEIAS na Regional ​em 31 de Janeiro de 2017 e referendada em 23 de Março deste ano.

N​ossa Campanha Salarial 2017/2019 ​teve muitos custos. O Sindppd/RS ​investiu R$ 39.314,12 apenas com passagens para participar das negociações nacionais e com a publicação de editais em jornais. Com a assessoria jurídica nacional, os gastos giraram em torno de R$ 30 mil por ano. Tudo somado por volta de R$ 70 mil – não estamos contabilizando gastos com gasolina, material de escritório e ​parte da infraestrutura e da assessoria jurídica no estado.

O valor cobrado ​​de CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL equivalerá a 2,10% (dois vírgula dez por cento) de um salário​, menos que um dia de trabalho,​ e será descontado, UMA ÚNICA VEZ, direto d​o contracheque de Agosto/2018 de cada trabalhador. No entanto, o montante NÃO virá integralmente ao Sindppd/RS; conforme a Cláusula 35 do nosso ACT (Acordo Coletivo), 33,79% do valor que arrecadarmos com a CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL ficará AUTOMATICAMENTE com a FENADADOS. Historicamente aqui na Regional do SERPRO, não cobrávamos a CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL porque o governo federal já descontava o imposto sindical (valor de 1 dia de trabalho cobrado em folha ANUALMENTE nos meses de Março) dos trabalhadores, de forma obrigatória. A Reforma Trabalhista extinguiu o imposto sindical obrigatório​ e o STF (Supremo Tribunal Federal) julgou a favor.

Frente a essa situação, ​em assembleia o Sindppd/RS ​encaminhou para deliberação utilizar a CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL, mesmo que parte dos valores fique para a federação, do que não arrecadar nada para custear os gastos da nossa campanha salarial.

Por isso, a contribuição de cada trabalhador e trabalhadora é fundamental para o sindicato conseguir custear os gastos da campanha salarial recém encerrada, ficando preparado para a do próximo ano. Se não fizermos o desconto, ​no médio prazo ​poderemos ​comprometer a participação nas mesas de negociação​ e a nossa assessoria jurídica nacional​.

Aguarde novos comunicados​! Não decida sem refletir, pois está em jogo a manutenção do instrumento que garante a voz dos trabalhadores do RS na campanha salarial.

 

 

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE!

Os colegas que ainda não optaram pela sindicalização precisam ajudar os trabalhadores já sindicalizados nesta tarefa de contribuir para manter a organização dos trabalhadores na campanha salarial. Nesse sentido, é fundamental que permitam que seja feita a Contribuição Assistencial, pois não existe fórmula mágica: ou teremos recursos para participar das campanhas salariais e mantermos a estrutura do sindicato, ou não haverá participação. Outra questão importante que precisa ser informada é que grande parte do dinheiro que o sindicato tem em sua conta por ter cuidado das finanças provém dos TRABALHADORES DO SETOR PRIVADO, e não poderemos continuar usando esses valores.

Portanto, colegas, contribuam! ​Esta contribuição passará a ser parte da sobrevivência do sindicato e da organização dos trabalhadores do SERPRO que estamos falando!

 

 

Prazo para OPOSIÇÃO à CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL: até 11 de Julho

O Sindppd/RS, mantendo seu compromisso de transparência e democracia com a nossa categoria, abrirá prazo para que os trabalhadores que não queiram contribuir com o sindicato possam se opor ao desconto. Conforme consta na Cláusula 35, os trabalhadores que se negarem a contribuir precisarão se manifestar até o 8º DIA ÚTIL do mês, que é 11 de Julho.

Os colegas terão que trazer uma carta ao Sindppd/RS ou enviar pelos Correios, escrita a próprio punho, com seus dados pessoais e assinada, em que dizem se opor ao desconto assistencial. Uma cópia precisará ser entregue ao RH do SERPRO Porto Alegre (RS).

 

 

Divulgamos, abaixo, a cláusula do ACT que trata da forma do recolhimento da CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL:

CLAUSULA35_ACT serpro

 

 

Sindicato FORTE é o que tem os trabalhadores JUNTO. SINDICALIZE-SE ao Sin​​dppd/RS!

A SINDICALIZAÇÃO, mais do que uma contribuição financeira, é um ATO POLÍTICO. Ao se SINDICALIZAR, o (a) trabalhador (a) está demonstrando que apoia ​a ORGANIZAÇÃO da sua Campanha Salarial e que quer manter o sindicato e os trabalhadores de TI ORGANIZADOS para lutarem pela manutenção de seus direitos e por avanços.

Atualmente, a receita do sindicato obtida com as SINDICALIZAÇÕES não cobre ​nem metade dos nossos custos fixos mensais de manutenção da estrutura do Sindppd/RS e dos serviços prestados por ele. Contamos com uma reserva em caixa, resultado das gestões responsáveis e econômicas que estiveram à frente do sindicato, mas esse valor pode acabar rapidamente se não equilibrarmos as entradas com os gastos. Por isso que se SINDICALIZAR em breve é muito importante para manter o sindicato vivo e atuante!

Como se SINDICALIZAR: peça uma ficha à OLT ou aos diretores do sindicato, preencha, assine e devolva a eles. Ou se preferir, preencha a ficha em formato digital, imprima e assine: http://www.sindppd-rs.org.br/ficha.php . Ao efetivar a SINDICALIZAÇÃO, será cobrada uma MENSALIDADE correspondente a 1% do salário base, que será descontado diretamente na folha de pagamento.

À luta, colegas do SERPRO!

 

 

Sindppd/RS

 

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117
Guias de Contribuição - (0xx51) 3213-6105

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br