SERPRO E DATAPREV – SERPRO ainda não marcou reunião para tratar da Campanha Salarial. DATAPREV fará em 19 de Março

0 89
image_pdfimage_print
 
 
Apesar de insistentes pedidos, inclusive por ofício, até este momento não está marcada a reunião solicitada pelas entidades sindicais e a FENADADOS para iniciar as tratativas da Campanha Salarial no SERPRO. Na DATAPREV, após insistentes pedidos, a reunião foi agendada para a próxima semana, no dia 19 de Março. É Importante lembrar que temos importantíssimos temas na pauta, tais como o pré acordo e a agenda para as negociações.Os trabalhadores se anteciparam e, neste ano, entregaram a pauta de reivindicações ainda no mês de Fevereiro para garantir que o processo negocial pudesse transcorrer com dois meses antes da data-base, 1º de Maio. No entanto, até agora o SERPRO não agendou data para a reunião. Não aceitaremos correr o risco de sermos surpreendidos no final de Abril com tentativas de retirada de direitos dos trabalhadores.

Solicitamos marcação imediata de reunião para tratar dos temas da Campanha Salarial 2019. Não aceitaremos perdas de direitos. 

É importante lembrar aos colegas que as APPDs e a conversão em pecúnia de metade da licença prêmio deste período têm vigência até 30/04 e, para manter o direito, precisam de acordo de prorrogação.

 

Reforma da Previdência e MP 873 que pretende impedir a sobrevivência dos sindicatos. É necessário ir às ruas no dia 22 de Março convocado pelas centrais e sindicatos

Completando o cerco da retirada de direitos iniciado pela Reforma Trabalhista, que entrou em vigor em 11 de Novembro de 2018, o novo governo, em poucos dias de mandato, já antecipou dois gigantescos ataques aos trabalhadores com a Reforma da Previdência. Esta, entre outras medidas, acaba com a solidariedade de gerações e cria a capitalização, que existe no Chile e condena os idosos à miséria, além de outras medidas absurdas. Ainda há a MP 873, que pretende impor o estrangulamento financeiro dos sindicatos ao não permitir que as empresas façam desconto em folha das contribuições devidamente autorizadas pelos trabalhadores individualmente ou de forma coletiva.

No dia 22 de Março, participe das atividades em sua cidade! Esta luta é de todos, por nós e pelas futuras gerações, pois o que temos hoje é fruto de um legado dos que nos antecederam!

 

Interesses privados nas empresas públicas cresceram a partir da posse deste novo governo

Não é novidade que o super ministro Paulo Guedes e toda a sua equipe tem falado, desde antes da posse, que a intenção é de privatização de empresas públicas. Também não é novidade que grandes interesses econômicos têm se movido para alterar a legislação trabalhista, a fim de facilitar a entrada do setor privado nas empresas públicas. Este setor só tem interesse no lucro. 

Os trabalhadores precisam ficar bastante atentos e, juntamente com a Campanha Salarial, defender a manutenção das empresas públicas com a prestação de um serviço de qualidade e os empregos dos trabalhadores.

 

 


OLTs e sindicatos que constroem a FNI e entidades parceiras

 

*Texto retirado do BLOG da FNI
sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br