Quase metade dos domicílios brasileiros tem computador

Reunião com SEPRORGS – Mesa ocorrida em 21/03 ​ainda sem solução para os impasses

14 1512
image_pdfimage_print
 
 
O patronal novamente insistiu na retirada de importantes direitos dos trabalhadores que são resguardados na atual convenção coletiva de TI. A reunião foi pautada pela nova tentativa das partes ​trabalharem em ​limites possíveis ​para ​o fechamento das negociações. Além da recomposição salarial e de benefícios, outras duas cláusulas bastante importantes para a categoria, são as cláusulas da Ultratividade da Convenção Coletiva e a que garante as homologações acontecerem no sindicato, tem sido as principais questões defendidas pelo Sindppd/RS.

 
​A próxima reunião ficou definida para 04/04/2018.
 
Veja AQUI a ata da reunião do dia 21/03. 
 
Após esta reunião deveremos convocar nova assembleia dos trabalhadores.​ Fique atento e participe das assembleias.
​​
Sindppd/RS
sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

14 Comentários

  1. Paulo 26 março, 2018 - 16:09 à 16:09

    reuniões para que se não chegam a nenhum acordo, ficam só protelando e quem é prejudicado somos nós os trabalhadores…. não tem como enviar para a justiça do trabalho essa enrolação toda?!?!?

  2. Fernando 26 março, 2018 - 23:49 à 23:49

    04 de Abril ! Data base Nov/2017. Patronal está ditando as regras como sempre !

  3. Programador 27 março, 2018 - 13:32 à 13:32

    Mantenham a postura de não aceitar esse absurdo do seprorgs…por 2% de aumento não tem desespero, terá de ser na justiça do trabalho mesmo.

  4. Vanessa silva 28 março, 2018 - 8:56 à 8:56

    Esse sindicato e uma vergonha, por que não vão à justiça, e outra, isso é ata que se apresente? Vamos ser enrolados até o meio do ano, ainda depois vão poder parcelar em 3x. Por favor, acabamos de ser descontados um dia de trabalho, pra este retlrno.

  5. João 28 março, 2018 - 9:42 à 9:42

    Meu Deus, quando vão resolver os “impasses”?? É sempre a mesma ladainha, lamentável..

  6. Analista pobre 28 março, 2018 - 15:04 à 15:04

    Isso aí, vai tocando até acabar o ano… mata no cansaço.
    1,83% não muda a vida de ninguém.

  7. Márcio 30 março, 2018 - 13:32 à 13:32

    Até quando vão ficar enrolando a gente. Tem que pagar e deu. Depois os sindicatos querem reclamar que a gente não vai pagar mais. Não merecem.
    Quero ver quando vão pagar o que nos devem. Imagina se nós profissionais da TI resolvemos desligar os servidores das empresas. Pensem nisso.

  8. Elis 4 abril, 2018 - 14:05 à 14:05

    Se debatem tanto quanto escrevem na Ata de reunião, daqui a umas 10 reuniões teremos uma página A4 completa.
    O nosso cenário econômico é a decadência financeira da população em geral.
    Empresas pagando muitos impostos, funcionários ganhando cada vez menos, o cara ganha um pouco mais de 2 salários mínimos já esta pagando irf, há 20 anos a média da maior parte da população era ganhar 5 salários mínimos, agora a média é 2 para menos.
    A comunicação facilitou a vida de todos, a tecnologia diminuiu vários postos de trabalho, e aqueles que deveriam ser investimentos dentro das empresas com o intelecto e mão de obra necessárias se tornaram marginalizados de seus salários, cada dias menores frente a inflação real que come nosso dinheiro, reajustes em transporte, saúde, alimentação e educação sempre acima do índice aplicado a correção salarial.

  9. Luan Meller 5 abril, 2018 - 9:46 à 9:46

    Olá, alguma novidade da reunião de ontem dia 04/04 ?

  10. Renata 5 abril, 2018 - 15:23 à 15:23

    Qual o resultado da mesa que ocorreu em 04/04/2018?

  11. analista 6 abril, 2018 - 11:24 à 11:24

    Alguma notícia sobre 04/04?

  12. Rosita 6 abril, 2018 - 17:04 à 17:04

    Gente, que ata é essa que não diz nada? Como foi a reunião do dia 04?

  13. John 9 abril, 2018 - 9:25 à 9:25

    Quais são os cenários que apresentaram? Essa ata não diz nada. É só para oficializar que teve a reunião.

    E a reunião que estava marcada para 4/Abril ? Hoje já é dia 09/04 e nada de qualquer informação.

  14. Ricardo 9 abril, 2018 - 13:41 à 13:41

    Vocês falam que o Seprorgs é intransigente que só quer tirar os benefícios dos trabalhadores, ENTÃO COLOQUEM NA ATA OQUE QUEREM RETIRAR E OQUE O SINDICATO QUER COLOCAR, isso parece uma ata de alunos do ensino fundamental, acredito que os membros do sindicato tenham aprendido a fazer uma ata descente em algum momento da vida. Vamos sindicado, façam valer o nome que levam e façam alguma coisa pelos profissionais. Parem de colocar a culpa nos outros pelo que vocês não fazem, “a culpa é do Seprorgs”, “a culpa é da direita”, “a culpa é dos trabalhadores que não comparecem nas assembleias”, “a culpa é das estrelas”.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117
Guias de Contribuição - (0xx51) 3213-6105

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br