PROCEMPA – Prefeito envia Projeto de Lei para a Câmara Municipal para aprovar, no apagar das luzes, a contratação emergencial de 10 analistas de TI com salários de mais de R$ 11 mil. Vergonha!

0 217
image_pdfimage_print

 

No final da semana passada, ficamos sabendo, por meio da bancada de oposição na Câmara de Vereadores, que o Governo Melo havia enviado um Projeto de Lei do Executivo para criar o cargo de Analista de Tecnologia da Informação e Comunicação (analista de TIC) e alterar a Lei 8.986, no que tange a descrição do cargo.  A previsão era de 5 vagas a serem preenchidas por concurso público. Mas como tudo pode piorar, nesta segunda-feira (20/12) ficamos sabendo que tem outro PLE (042) que prevê a contratação emergencial de 10 analistas de TIC, por prazo determinado por um ano – renovável por mais um – com salários de R$ 11 mil.

Os argumentos são os mesmos utilizados no PLE 048 da semana passada; especialmente a possibilidade de, a partir da nova lei da PROCEMPA, a prefeitura poder contratar fora da companhia – aquilo que já sabíamos quando da aprovação do PLE 003/2021. O tal argumento de que os técnicos da companhia são caros é um deboche ao corpo técnico da PROCEMPA, pois o inicial de Analista na empresa será, em janeiro/2022, em torno de R$ 7.900,00, enquanto a prefeitura quer o mesmo cargo por um salário de mais R$ 11 mil.

Não podemos aceitar esses absurdos, com os quais a direção da empresa compactua senão não estaria ocupando aquele espaço. Vamos resistir e denunciar mais esta medida que amplia os espaços para o desmonte da EMPRESA PÚBLICA DE TI do município de Porto Alegre, a nossa PROCEMPA, que continua sendo da nossa cidade apesar da vontade do Prefeito Melo e seu vice, fiéis aliados dos empresários privados.

E vale dizer que tudo isso acontece num momento em que os ataques aos dados da população vêm sendo feitos à luz do dia, como foi o caso do vazamento da nuvem contratada pela Telebras, onde estão as informações do Ministério da Saúde e vários outros órgãos públicos. A prefeitura de Porto Alegre quer, de forma proposital, fragilizar a segurança e a continuidade da TI tanto da população como dos órgãos públicos da nossa cidade.

Esta contratação da PMPA não faz sentido, tanto emergencial quanto por concurso público, pois só onera ainda mais os cofres públicos e não garante nenhuma melhoria nos serviços de TI no município. Só a PROCEMPA forte e trabalhando em conjunto com a prefeitura pode garantir as melhores soluções de TIC para a cidade de Porto Alegre, trabalho que faz há mais de 43 anos com comprovada qualidade.

 

NESTA 3ª FEIRA (21/12), às 13h30min, TEREMOS A ASSEMBLEIA DOS TRABALHADORES PARA CONVERSARMOS SOBRE ESTA E OUTRAS QUESTÕES IMPORTANTES. PARTICIPE!

 

NÃO à contratação de analistas por fora da PROCEMPA!
Concurso Público para cobrir as vagas na empresa pública de Porto Alegre!
NÃO à destruição da TI pública de Porto Alegre!

 

 

Sindppd/RS

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br