Pandemia do Coronavírus: não ceda à pressão das empresas. Procure o Sindppd/RS, vamos enfrentar juntos!

0 253
image_pdfimage_print

 

Home office sem redução de salário e nem perda de direitos. Parar para salvar a vida!

 

Colegas da TI,

conforme divulgamos na nota de ontem (23/03), empresas do setor privado têm procurado o sindicato para fazer acordos que reduzem jornada de trabalho e salário e que suspendem o pagamento do vale alimentação. Elas utilizam como base a MP 927 (Medida Provisória) editada pelo governo federal na noite de domingo (22/03), a qual flexibiliza AINDA MAIS a legislação trabalhista para compensar as perdas econômicas das empresas com a pandemia do Coronavírus.

Apesar de o governo federal ter revogado ontem (23/03) um dos itens mais polêmico e absurdo, o artigo 18, que suspendia os contratos de trabalho com corte de salário por 4 meses, outras questões graves estão valendo pela MP 927. Estão entre elas itens relacionados ao teletrabalho (home office), antecipação de férias individuais, concessão de férias coletivas e o aumento do banco de horas, entre outras. CLIQUE AQUI para ver do que trata esta medida provisória.

 

Orientamos que os trabalhadores NÃO FAÇAM nenhum tipo de acordo individual. Na resposta que estamos enviando às empresas (publicamos no final desta matéria, para que os colegas tenham conhecimento), sugerimos que os empresários procurem o sindicato deles, o SEPRORGS. A posição do Sindppd/RS é que, se for necessário, iremos negociar medidas coletivas com o SEPRORGS a fim de uniformizar a mesma saída para todos, com o objetivo de proteger os trabalhadores da TI e seus direitos. Não iremos negociar individualmente com cada empresa!

Se a empresa te pressionar, colega da TI, não assine nada e informe ao sindicato. Se a empresa descumprir com as normas da nossa CCT (Convenção Coletiva de Trabalho), comunique o sindicato! Nosso e-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br

O Sindppd/RS prossegue exigindo que as empresas de TI coloquem todos os trabalhadores em home office. Para serviços ou reparos que não podem ser realizados de forma remota, que seja feita uma escala alternando os trabalhadores, permitindo que fiquem o menor tempo possível fora de casa e com toda a proteção necessária. Sem cortar salário e nem reduzir direito!

 

 

Abaixo, segue a resposta do Sindppd/RS às empresas de TI que têm procurado o sindicato para fazer acordos que rebaixam salários ou suspendam benefícios, como o vale alimentação. Achamos importante divulgar, para que os colegas tenham as informações por meio do nosso sindicato e não pelas empresas as quais, infelizmente, podem se utilizar de informações falsas para pressionar ainda mais os trabalhadores neste momento de gravidade e de preocupação que enfrentamos:

“Em resposta à vossa solicitação, queremos lembrar que com o fato das empresas disponibilizarem o home office estão tendo economia em conta de água e luz, telefone, viagens, limpeza entre outros serviços. Já os trabalhadores estão absorvendo estes custos em suas casas.

Queremos lembrar também que o governo tem anunciado até agora medidas que auxiliam os empresários, mas até agora nenhuma medida concreta em relação aos trabalhadores. Por outro lado, as medidas que adotou até agora, sem negociação com as entidades sindicais e sequer com o Parlamento, tem trazido insegurança jurídica para ambas as partes.

Neste sentido, sugerimos que a discussão sobre a sua solicitação se dê com o SEPRORGS para que tenhamos uma única mesa de negociação buscando segurança jurídica entre as partes e isonomia de tratamento.”

 

 

Colega da TI: qualquer dúvida ou denúncia, entre em contato com o Sindppd/RS pelo e-mail imprensa@sindppd-rs.org.br

 

À luta,

Sindppd/RS

 

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br