CARD_identidade procergs_DESTAQUE1

Greve da Procergs segue firme e, agora, faz campanha solidária aos grevistas. Veja como ajudar!

0 261
image_pdfimage_print

 

A GREVE dos trabalhadores da PROCERGS segue firme e forte. A direção da empresa e o governo estadual, por sua vez, optam pela intransigência e prosseguem forçando a quebra da paralisação para poderem tirar os direitos da categoria. Não negociam a renovação do ACT (Acordo Coletivo); querem tirar direitos, como o ATS (anuênio e quinquênio), sem colocar NADA no lugar; contrataram empresa terceirizada de TI para cuidar do banco de dados, a fim de enfraquecer a GREVE; pretendem descontar dos salários todos os dias parados.

E agora, para forçar o fim da GREVE, cortaram os benefícios dos grevistas a partir desta 6ª feira (19/02).

A situação não é fácil, já que passamos dos 20 dias de paralisação. No entanto, quando estamos unidos, focados e firmes em nossos objetivos, a REPRESSÃO não encerra, mas acaba por fortalecer ainda mais a organização dos trabalhadores.

É isso o que está ocorrendo. Desde ontem, os trabalhadores em GREVE estavam organizando uma campanha de solidariedade aos colegas que já sentem os impactos, especialmente do corte dos tíquetes. Nesta 6ª feira (19/02), o Sindppd/RS adiantou uma ajuda aos trabalhadores e reforçou a arrecadação junto aos grevistas que podem contribuir.

Estendemos a campanha de solidariedade aos trabalhadores que não estão em GREVE e demais pessoas que possam e queiram apoiar a nossa luta em defesa dos nossos direitos e da PROCERGS pública. Contribuições de qualquer quantia serão bem vindas!

 

Seguem os dados bancários do Sindppd/RS (Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados no RS) para depósito ou transferência:

Banco do Brasil
3252-2 (Agência)
21200-8 (Conta Corrente)
CNPJ: 90.273.442/0001-02
PIX: 90273442000102
Em nome de Sindppd/RS

 

 

A GREVE prossegue forte. Nos vemos na 2ª feira (22/02), a partir das 8h30min, na SALA DA GREVE. Iremos debater e conversar sobre a paralisação, os impactos da nossa luta e sobre a nova mediação que ocorre na 3ª feira (23/02) no TRT (Tribunal Regional do Trabalho).

Mais uma vez, a solução para o impasse e dar fim à GREVE está em abrirmos um diálogo construtivo, em que as intransigências dêem espaço para a construção de alternativas, e a empresa e o governo têm papel fundamental neste processo. Vale lembrar que a GREVE é mais onerosa aos cofres públicos do que o atendimento das propostas dos trabalhadores.

À luta, colegas da PROCERGS, que é justa e necessária!

 

 

Sindppd/RS

 

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br