DATAPREV – Até onde vão as atitudes de desespero da Fenadados?

0 29
image_pdfimage_print

A Fenadados montou uma nova farsa, durante reunião realizada na Dataprev no dia de ontem (24/02). Veja o relato completo.

Através de seus ajudantes de ordens, Deobrandino Ninrod Borges (Dino) e Américo Morim Santos, tentam desconstituir assembleia realizada pelo Sindppd/RS no dia 03/02/2011, legalmente convocada por edital publicado na imprensa e centralmente pela entidade que detém o poder de representação dos trabalhadores da Dataprev no Rio Grande do Sul.

Como já havíamos antecipado em nota encaminhada aos trabalhadores da Dataprev/RS no dia de ontem (reproduzimos logo abaixo), estes senhores afirmaram uma coisa em reunião realizada ontem à tarde, e saem fazendo outra. Ou seja, mentem descaradamente, mas mais do que isto, desrespeitam as decisões tomadas pelos trabalhadores da Dataprev, como relatamos abaixo:

Na abertura da reunião de ontem informaram que reconheciam a assembleia convocada e realizada pelo Sindppd/RS no dia 03/02/2011 onde foi debatida e aprovada a pauta de reivindicações dos trabalhadores da Dataprev/RS, e que estavam ali somente para fazer um debate político acerca da campanha 2011 da Dataprev.

É importante ressaltar que na assembleia do dia 03/02, mais uma vez os trabalhadores da Dataprev/RS reafirmaram que a Campanha Salarial 2011 será encaminhada pelo Sindppd/RS junto com os demais sindicatos, OLTs e demais ativistas que respeitam as deliberações e legítimas reivindicações dos trabalhadores, sem compromissos com a direção da Dataprev e com os governos, ou seja, sem a participação da Fenadados.

O Sindppd/RS convocou os trabalhadores da Dataprev/RS para participarem da abertura da reunião de ontem e esclareceu por meio de seu diretor, Luís Sá, que nenhuma outra deliberação poderia ser tomada em nome dos trabalhadores da Dataprev/RS, com relação à Campanha Salarial 2011, especialmente com relação à aprovação de pauta de reivindicações, autorização para qualquer entidade negociar em nome do Sindppd/RS, uma vez que tais temas já haviam sido tratados anteriormente em assembleia. Restando este entendimento acerca do objeto da reunião da Fenadados, a ampla maioria dos trabalhadores da Dataprev retirou-se daquela reunião.

Mas para surpresa de alguns, já que nós não nos surpreendemos mais com as ações desesperadas da Fenadados e seus apoiadores, a sra. Telma Dantas que é secretária geral da Fenadados, na manhã desta sexta-feira, em assembleia dos trabalhadores do Serpro/SP, afirmou categoricamente que os trabalhadores da Dataprev do Rio Grande do Sul APROVARAM AUTORIZAÇÃO PARA QUE A FENADADOS NEGOCIE EM SEU NOME, o que não passa de mais uma mentira.

Por isto, repetimos o que dissemos ontem: são manobras e golpes que não tem mais limites. Até onde vão estes senhores que, contrariando as decisões dos trabalhadores, continuam apoiando esta entidade que só serve aos interesses dos patrões e dos governos?

Temos que dar um basta nesta situação. Estes senhores não podem ficar impunes, desrespeitando os trabalhadores e suas deliberações.

De nossa parte, vamos adotar todas as medidas políticas e judiciais para que as deliberações dos trabalhadores que representamos sejam respeitadas. Basta de golpes, manobras e traições!!!

Sindppd/RS

————————–

NOTA ENVIADA ONTEM (24/02) AOS TRABALHADORES DA DATAPREV

Colegas,

Vejam a que ponto chegamos. A assembleia dos trabalhadores da Dataprev/RS realizada no último dia 03/02 foi absolutamente desconsiderada por um dos integrantes da direção da Fenadados. Senão vejamos: O Sr. Américo que participou da mencionada assembleia (podem conferir a sua assinatura que está na cópia da lista de presenças afixada no mural do Sindppd/RS no 5° andar), defendeu suas posições e foi derrotado pela votação dos colegas e agora, convoca uma outra assembleia para discutir os mesmos pontos de pauta, que já foram soberanamente rejeitados pelos colegas da Dataprev.

É o velho golpismo que já faz parte cotidiana das ações da Fenadados. Por esta e outras traições, que os trabalhadores do Rio Grande do Sul se desfiliaram desta federação, que há muito não representa e tampouco defende os interesses dos trabalhadores de TI. Seus objetivos centrais são a defesa incondicional dos interesses das direções das empresas e do governo, a quem ela serve.

Veja no link o relato da assembleia que já discutiu e deliberou sobre a pauta de reivindicações dos trabalhadores da Dataprev do Rio Grande do Sul.

Não se deixe enganar por promessas vazias.

Sindppd/RS

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br