220519assembleiaprocergs_DESTAQUE

Campanha Salarial 2022/2023 da Procergs quer recuperar perdas, manter direitos e defender empresa pública de TI

0 231
image_pdfimage_print

 

Os trabalhadores e as trabalhadoras da PROCERGS realizaram a assembleia de abertura da Campanha Salarial 2022/2023 na tarde dessa 5ª feira (19/05). Cerca de 150 colegas participaram da reunião, realizada ainda de forma online, já que boa parte da empresa está em trabalho remoto.

 

O ponto mais debatido foi o da pauta de reivindicações. Os presentes tiraram dúvidas sobre a proposta de pauta apresentada pela CT (Comissão de Trabalhadores) e pelo sindicato, que foi construída baseada nas reivindicações da campanha salarial anterior e nas sugestões enviadas por trabalhadores durante a semana. Alguns itens foram alterados visando o interesse da maioria e, outros, retirados, após a discussão na assembleia.

Desta forma coletiva, os trabalhadores e as trabalhadoras da PROCERGS fecharam a pauta de reivindicações, que foi aprovada pela ampla maioria dos presentes via votação online. Assim que a redação do documento estiver terminado, será protocolado junto à direção da empresa e divulgado no site e nas redes sociais do Sindppd/RS.

Entre os destaques da pauta de reivindicações estão os itens econômicos: reajuste salarial pelo INPC do período; auxílio-refeição de R$ 800,00; vale-rancho no valor de R$ 1 mil; retorno dos ATS (Adicional por Tempo de Serviço – anuênio e quinquênio) e  garantir percentual anual para promoções por mérito de no mínimo 4% da folha no novo PECS, passando o interstício da promoção de antiguidade para 4 anos, entre outros pedidos.

Também foram aprovadas reivindicações que tratam do plano e de atestado médico; complementação do auxílio previdenciário de forma integral para ativos e aposentados; criação de comissão paritária visando a implementação, de forma negociada entre a representação dos trabalhadores e da empresa, de formas alternativas de trabalho no pós-pandemia, em que estarão em debate o home office e o trabalho híbrido, entre outros temas relacionados. Também está na pauta, a estabilidade e a garantia dos postos de trabalho para os trabalhadores e as trabalhadoras das regionais fechadas pela direção da PROCERGS.

 

 

220519assembleiaprocergs_2

 

 

Todas as outras questões colocadas em deliberação na assembleia foram aprovadas por ampla maioria. São elas: autorização do desconto da contribuição assistencial (sendo que o percentual será definido na assembleia de fechamento da campanha salarial); permissão para que o Sindppd/RS represente a categoria nas mesas de negociação e instâncias judiciais e tome medidas visando a defesa do interesse dos trabalhadores e das trabalhadoras; acordo com mobilizações da categoria e com o estado de assembleia permanente.

Agradecemos a participação dos colegas e chamamos os demais trabalhadores e trabalhadoras a participarem das reuniões e atividades da Campanha Salarial 2022/2023. A crise financeira, aliada ao alto custo de vida e à política dos governos de destruir as empresas públicas, faz com que nossa luta seja, especialmente, para recuperar as perdas econômicas dos nossos ganhos, para manter os direitos que já conquistamos e em defesa da PROCERGS pública. Nosso movimento precisa estar forte para enfrentar os retrocessos, e para isso é necessário que os trabalhadores e as trabalhadoras estejam junto participando. A LUTA COLETIVA É DE TODOS E DE TODAS!

 

 

Divulgamos, abaixo, o resultado da votação da assembleia de ontem. À luta!

1) Aprova a pauta de reivindicações consolidada na assembleia de trabalhadores e de trabalhadoras realizada em 19/05/2022?
90 SIM
1 NÃO
— Abstenção

2) Autoriza a diretoria do sindicato para instaurar negociação coletiva de trabalho com a representação da empresa PROCERGS, firmar Acordo Coletivo de Trabalho, apresentar protesto judicial, solicitar mediação extrajudicial, solicitar dissídio coletivo no caso de insucesso das tratativas prévias, contestar dissídio coletivo e firmar acordos judiciais ou extrajudiciais, inclusive aditivos; reconvir e interpor oposição e ou intervenção de terceiros, conceder poderes à diretoria do sindicato para firmar acordos e constituir procurador no caso de ação judicial?
90 SIM
1 NÃO
— Abstenção

3) Autoriza o desconto da contribuição assistencial, conforme determinado na assembleia de 19/05/2022?
75 SIM
11 NÃO
5 Abstenções

4) Autoriza as medidas e ações de cumprimento no caso de descumprimento dos instrumentos coletivos?
87 SIM
2 NÃO
2 Abstenções

5) Autoriza formas de mobilização da categoria com manutenção de assembleia permanente?
90 SIM
1 NÃO
— Abstenção

 

 

Sindppd/RS

 

sindppd

Ver todos os artigos de sindppd

Similar articles

A seção de comentários no site do Sindppd/RS quer incentivar o debate entre os trabalhadores de TI e o sindicato. Também é um canal de denúncias e informações. Portanto, NÃO SERÃO publicados comentários pornográficos, ofensivos a pessoas ou entidades e nem discriminatórios (racistas, homofóbicos, de gênero ou de classe); que contenham publicidade ou palavras de baixo calão; e nem comentários que façam afirmações caluniosas ou difamatórias, sem terem provas sobre o que está sendo dito. SOMENTE serão publicados comentários com endereços de emails válidos, os quais não serão divulgados.

Faça um comentário

Seu email não será publicado. *

Visite-nos

Rua Washington Luiz, 186 - Bairro Centro - Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

Telefones do Sindppd/RS:
Geral - (0xx51) 3213-6100
Secretaria - (0xx51) 3213-6121/ 3213-6122
Tesouraria - (0xx51) 3213-6117

E-mail: secretariageral@sindppd-rs.org.br